6 CUIDADOS COM OS PÉS QUE SÃO INDISPENSÁVEIS

6 CUIDADOS COM OS PÉS QUE SÃO INDISPENSÁVEIS

Cuidado com os pés sendo exemplificado com uma massagem nos pés de alguém

Manter os “pés no chão” sem danificá-los é um trabalho difícil. Literalmente. Ao longo da vida, enfrentamos diversas doenças e experiências, passamos por inúmeros lugares, com diferentes texturas e condições, que abalam nossas estruturas e as deixam repletas de histórias para contar

Porém, os protagonistas dessas histórias nem sempre são os “mocinhos”. Desgastes em função de trabalho, sapatos mal ajustados, má circulação do sangue no corpo, unhas encravadas, joanetes etc. Todos estes provocam uma necessidade gigantesca de cuidados com os pés. Do contrário, podem causar problemas ainda mais graves para estes.

Nosso bate-papo de hoje será, então, sobre como evitar os problemas nos pés (desde os comuns até os mais graves) e preservar a saúde destes. Vamos lá?

Cuidados com os pés que você PRECISA praticar

1. Deixe o sangue circular

Melhorar a circulação do sangue nos pés é essencial para prevenir a maioria dos problemas que os acometem. São alguns deles: trombose, varizes, câimbras etc.

Evite, então, a exposição destes a temperaturas frias e meias/sapatos apertados. Se você trabalha sentado o dia inteiro, certifique-se de dar uma pequena caminhada pela sala de vez em quando. Pequenas sessões de alongamento entre uma tarefa e outra também são excelentes condutas.

Ao chegar em casa, não abra mão de uma breve massagem nos pés com os produtos que você ama e, claro, um banho bem quentinho para aumentar a circulação do sangue nessa região.

2. Aposte em sapatos confortáveis

Calçados confortáveis, de material e tamanho adequado para os pés são fundamentais para a saúde destes.

Escolha modelos macios, flexíveis (pelo menos na parte superior) e com uma forma que combine com a configuração dos seus pés. Assim, problemas desagradáveis como alergias, calos e joanetes podem ser prevenidos.

Evite couro e solado com base escorregadia. Manere no uso de saltos altos.

3. Deixe os pés sempre secos, limpos e hidratados

Procure lavar os pés todos os dias, pelo menos antes da hora de dormir. Para isso, use água morna e sabonete neutro. Após o banho, certifique-se de que eles estão bem secos, principalmente entre os dedos, para evitar problemas como micose e frieiras.

Aplique um pouco de hidratante em toda a superfície (porém, nunca entre os dedos) e mantenha seus pés livres de rachaduras e calos.

4. Evite andar descalço em qualquer lugar

Dos cuidados com os pés, este é um dos mais necessários e fáceis. Proteja os pés de superfícies sujas, irregulares e de altas temperaturas. Isso diminui a exposição destes a fatores prejudiciais à saúde, e preserva a textura macia e bem cuidada da pele na região.

5. Cuidado ao cortar as unhas dos pés

Muitas pessoas não sabem usar o cortador de unhas corretamente. Basta um corte irregular para que elas cresçam na direção errada, penetrando na pele e se encravando. Com isso, podem ocorrer inflamações e até mesmo infecções.

Procure cortar as unhas dos pés em linha reta, sem aprofundar nos cantos, e finalizar com uma lixa. Outros pontos importantes de cuidados com os pés são:

  • não remova as cutículas;
  • não tente desencravar as unhas por conta própria;
  • NUNCA estoure as bolhas dos pés e JAMAIS tente se livrar dos calos sem a ajuda de um profissional;
  • se for fazer os pés no salão, escolha uma unidade de confiança, certifique-se de que ela esteriliza os objetos usados (e que usa lixas descartáveis) ou, melhor ainda, leve o próprio material.

6. Fique sempre atento aos sinais

Os cuidados com os pés exigem atenção constante. Da mesma forma que fazemos com o resto do corpo. Por isso, pelo menos uma vez por semana, inspecione-os de forma minuciosa.

Procure por calos, inchaços, bolhas, feridas, manchas, rachaduras e atritos. Observe as unhas e seus aspectos. Como está a cor e a textura delas? Se elas tiverem muito amareladas e grossas, pode ser que estejam infectadas.

Preste atenção, também, na cor dos pés. Se eles estiverem mais azulados, frios e pálidos, isso é um indicador de má circulação. Contudo, se a cor for avermelhada e a temperatura quente, isso pode indicar uma infecção ou inflamação na área.

Transforme os cuidados com os pés em rotina!

Nossas bases de sustentação merecem todo esse cuidado. Afinal, são elas que nos mantêm de pé, correto? Fique atento aos sinais, seja atencioso e, em caso de qualquer irregularidade, não hesite em procurar por ajuda profissional.

FONTE: https://conviteasaude.com.br/cuidados-com-os-pes/?fbclid=IwAR1kwaQyMBcqHWtIwANDyyUmei-dH5EwXlnC_5v1Gwg_OqVr3Yp9VP49j9Y