Óculos de Natação na iniciação: sim ou não?

Óculos de Natação na iniciação: sim ou não?

Óculos de Natação são implementos especiais para a prática da Natação, tanto em piscinas, como nas chamadas águas abertas (rios, lagos e mar). Compoem-se de duas oculares de acrílico unidas por um “nose” e guarnecidas nas bordas por borracha macia ou espuma para que não se encharquem. Este tipo de óculostem duas finalidades principais: proteger os olhos das agressões causadas por componentes químicos das piscinas (como o cloro) ou pela água barrenta; e aumentar avisibilidade subaquática do nadador, possibilitando boa orientação e melhora nas viradas no caso das provas em piscina, e controlar adversários e orientar-se em provas de águas abertas.
Para quem nunca usou óculos, é bom saber que o tempo para se acostumar a eles é de algumas semanas, e não de uma a ou duas aulas. É preciso certa perseverança e a crença firme de que o maior conforto e a melhoria da visão submersa valerão a pena.

Óculos de Natação na iniciação: sim ou não?

Há quem defenda ardorosamente as duas opiniões. O ideal é restringir o seu uso pelo menos nas fases iniciais do aprendizado, somente àqueles casos em que ele é absoltamente indispensável: crianças que apresentam uma sensibilidade grande ao cloro. 
Primeiramente a criança deve passar por um processo de adaptação dos órgãos sensoriais, entre eles os olhos, e aprender a abri-los embaixo d água. Isso fará bem à sua auto-estima e deixará nela a impressão de que quem nada é ela e não os óculos. Eles poderão vir mais tarde, numa etapa em que a criança já domina várias das habilidades básicas no meio líquido. 
Em etapas mais adiantadas os óculos devem ser introduzidos por duas razões: a primeira é que entre as habilidades específicas da Natação a serem abordadas, sobrevirão as viradas olímpicas e isso exige uma avaliação da distância do nadador até a borda muito precisa, o que sem os óculos é bem difícil. A outra razão é que em etapas mais adiantadas, as sessões de aula costumam ser bem mais longas, o que costuma afetar e congestionar mesmo os olhos mais resistentes.

Óculos de Natação: a escolha correta

Há óculos de inúmeros modelos, tamanhos, cores e acabamentos. Dentre os mais completos (e caros) temos aqueles com tratamento antiembaçante do lado de dentro das celulares, lentes espelhadas anti-reflexos, tiras de ajuste rápido, etc. O ideal é que o nadador tenha em mente o nível r tipo das suas reais necessidades esportivas para adquirir o produto certo para supri-las.
Óculos de má qualidade é dinheiro jogado fora. Se na maioria dos casos não há necessidade de se adquirir os modelos mais caros e completos, deve-se investir um pouco mais em óculos de boa marca, pois valerá muito à pena. 
Prefira também os modelos de tamanho menor, que via de regra se ajustam melhor ao rosto e resistem mais na posição correta aos mergulhos. Importante: óculos sem a guarnição de borracha ou espuma nas oculares até existem, mas são implementos para nadadores experientes e seu uso fica praticamente restrito às competições, ou seja, por pequenos intervalos de tempo.
Quanto à cor, a maioria dos nadadores prefere os de lentes mais claras, que permitem uma visibilidade melhor, principalmente nas aulas noturnas.

Óculos de Natação: o ajuste correto

Há dois ajustem principais: a distância entre as oculares e a tensão das tiras, que não pode ser nem muito grande (para não machucar o rosto) e nem muito pouca (para não entrar água nas oculares). 
Quanto à tensão das tiras, há dois ajustes distintos: um mais frouxo, para aulas normais; e outro mais justo para aulas com saídas em mergulho, tiros fortes, festivais e competições. 
O posicionamento ideal das tiras atrás da cabeça é bem alto, num alinhamento superior ao dos olhos. Tiras muito baixas, próximas à nuca, tenderão sempre a fazer com que os óculos saiam nos mergulhos e mesmo nos impulsos na borda.
Durante a aula, tire ou mexa nos óculos o mínimo possível. No máximo uma breve puxadela para passar a língua dentro das oculares para desembaçá-las. Quanto menos o aluno se preocupa com isso, mais rápido se acostumará a eles e mais atenção darão aos exercícios de aula.

Óculos de Natação: conservação

O ideal é que os óculos sejam banhados na água do chuveiro após cada uso, e secados com a toalha. Se o modelo adquirido vier em um estojo rígido, procure conservá-lo nele sempre que puder para protegê-lo quando transportado dentro da sua bolsa.

Fonte: https://www.medleyrp.com.br/blog/oculos-de-natacao-na-iniciacao-sim-ou-nao